Grande referência para o mundo dos negócios, os Estados Unidos é um dos destinos mais populares entre os profissionais que pretendem crescer na sua carreira profissional.

O projeto se torna ainda mais vantajoso quando analisamos o nosso contexto de crise econômica e dificuldade de ascensão profissional no País.

Para muitos especialistas, trabalhar em países desenvolvidos como os EUA é uma ótima oportunidade de crescermos em nossa carreira e nos diferenciarmos.

E para que você possa ter uma ideia melhor dos seus benefícios, o profissional que passa um tempo no exterior é visto pelo mercado como um profissional robusto, adaptável, que teve acesso a uma cultura e a metodologias de trabalho diferentes.

Além disso, ao retornar, o profissional trará um olhar mais estratégico sobre os problemas enfrentados pelas empresas daqui.

No entanto, o problema é que muitos profissionais desistem da ideia de trabalhar nos Estados Unidos, pois entendem que é muito difícil conseguir o seu espaço por lá.

O que não é verdade, pois com a preparação correta, isso é totalmente possível.

Pensando nisso, e para ajudar esses profissionais. Nesse artigo iremos passar dicas de como construir uma carreira profissional nos Estados Unidos.

Vamos lá? 

 

Para facilitar a sua leitura, o artigo foi dividido da seguinte forma:

  • 4 dicas fundamentais para que você possa construir uma carreira profissional nos Estados Unidos
  • Cuide da sua documentação e procure ajuda profissional
  • Conquiste a fluência e domínio do idioma
  • Estude a cultura norte-americana e a cultura organizacional da empresa onde você pretende trabalhar
  • Desenvolva o seu espírito empreendedor
  • Por que fazer uma graduação nos EUA é tão importante para minha carreira profissional?
  • Conclusão

4 dicas fundamentais para que você possa construir uma carreira profissional nos Estados Unidos

1. Cuide da sua documentação e procure ajuda profissional

A primeira dica é que você conte, se possível, com a ajuda de um consultor ou especialista para que você possa obter os documentos de entrada mais adequados e corretos.

O processo de imigração precisa, ou pelo menos, deveria ser acompanhado por um advogado e por uma empresa credenciada oficialmente pelo governo norte-americano, que faz a avaliação de todos os documentos necessários para validar o processo.

Infelizmente, temos muitos casos de profissionais que acreditam que ficarão “ricos” nos EUA.

Porém, ignoram a considerável carga de impostos do país – aplicada aos seus ganhos lá e também no Brasil.

 

Nesse caso, precisamos lembrar que os EUA exercem um controle rigoroso de imigrantes ilegais, e brasileiros que entram com visto errado acabam sendo penalizados.

Muitos, inclusive, dependendo do caso, não podem mais retornar ao país.

E para evitar qualquer tipo de problema, você deve se preparar bem e corretamente.

Por isso, procure ajuda profissional para que você possa obter os documentos de entrada necessários e mais adequados.

Conquiste a fluência e domínio do idioma

A próxima dica é que você priorize a excelência em inglês, sobretudo na escrita.

Saiba que você pode até mesmo ser um excelente profissional do ponto de vista técnico e comportamental, mas sua carreira nos EUA não irá muito longe se o seu nível de inglês não for muito bom.

Infelizmente, os brasileiros ainda não ocupam um bom lugar na proficiência do idioma.

Por isso, é fundamental conquistar fluência e adequação absoluta na comunicação com os nativos para que você possa realmente ganhar destaque na sua área profissional.

Estude a cultura norte-americana e a cultura organizacional da empresa onde você pretende trabalhar

Para que você possa se integrar mais facilmente ao mercado de trabalho americano, será necessário conhecer a cultura norte-americana e a cultura organizacional da empresa onde você pretende trabalhar.

A partir do momento que você conseguir entender quais são as diferenças culturais mais sensíveis entre às duas nacionalidades, você evita gafes e age menos como um estrangeiro.

E aqui também podemos dizer que aprender os códigos de comportamento dos norte-americanos é tão ou mais importante do que estudar a cultura organizacional da empresa onde você vai trabalhar.

 

Desenvolva o seu espírito empreendedor

A próxima dica é que você desenvolva o seu espírito empreendedor e invista em competências comportamentais.

As empresas norte americanas realmente procuram por profissionais qualificados em suas áreas de atuação. 

Porém, o que aqui precisa ficar claro é que, nem sempre o conhecimento técnico é preponderante para as contratações.

Isso porque os empregadores norte-americanos preferem profissionais com espírito empreendedor: mesmo que você não tenha o seu próprio negócio, é esperado que pense como “dono” da empresa onde trabalha.

Você precisa se adaptar ao estilo “do it yourself”.

Outro ponto que você também precisa desenvolver é ter uma postura flexível e escuta aberta à diversidade de opiniões.

Como você provavelmente já sabe, o brasileiro tende a ser mais aberto do que profissionais de outras nacionalidades.

Nesse caso, você pode explorar essa vantagem competitiva natural.

Por que fazer uma graduação nos EUA é tão importante para minha carreira profissional?

Trabalhar e estudar nos Estados Unidos tem diversas vantagens, afinal, não é à toa que esse é o desejo de muitos brasileiros.

O país proporciona segurança, qualidade de ensino, de vida e ainda conta com um avançado desenvolvimento tecnológico.

E aqui precisamos frisar que ter feito parte da sua educação nos EUA também acaba sendo um grande diferencial.

Para um empregador norte-americano, o currículo ideal de um executivo inclui pelo menos 10 anos de experiência de mercado e pelo menos uma pós-graduação, seja lato ou stricto sensu.

Os Estados Unidos hoje têm um dos melhores sistemas de educação do mundo, com cursos excelentes em praticamente todas as áreas de estudo imagináveis.

O seu sistema de ensino superior tem algo a oferecer para estudantes de todos os gostos e estilos de vida.

Por isso, pode ter certeza que com tantas opções incríveis de instituições, você vai encontrar algo que se encaixe em seus interesses e objetivos.

Além disso, não podemos esquecer que as instituições americanas estão totalmente acostumadas a receber estudantes internacionais.

 

Ou seja, como você pode perceber, mudar-se para um país tão diverso e incrível como os Estados Unidos é uma oportunidade única – pessoal, cultural, turística e profissionalmente.

 

Conclusão

E aí? O que achou do artigo? Gostou das dicas de como construir uma carreira profissional nos Estados Unidos?

Como você pode perceber durante a leitura do artigo, existem diversas formas de vistos de trabalho e oportunidades para que você possa crescer dentro da sua área profissional.

Além disso, como ficou claro durante a leitura, fazer uma faculdade no exterior proporciona inúmeras vantagens, pois além da vivência em outro local e os benefícios citados, o mercado de trabalho nos Estados Unidos conta com diversas oportunidades —especialmente para os profissionais que concluem uma graduação no país.

Claro, para que você consiga uma bolsa no exterior é preciso se preparar corretamente.

Por isso, recomendamos que você conheça os nossos cursos preparatórios.

Com os nosso cursos você aumentará e muitos as chances de ser aprovado, pois irá se preparar corretamente para os testes mais cobrados no exterior.

Related posts